Saúde Completa

Pular para conteúdo principal »

Site de busca

Navegação da categoria:

Você está agora em:







Boletim informativo

Boletim informativo
 

Dr. JESSÉ TEIXEIRA

Dr. JESSÉ TEIXEIRA

             Artigo publicado em março de 1940, na Revista Brasil Cirúrgico, da lavra do doutor Jessé Teixeira, trabalho este inclusive premiado pela Academia de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro. Traduzido para o inglês e francês. No ensaio em questão o citado médico relatava suas experiência baseadas no tratamento de 150 casos ocorridos no Hospital de Pronto Socorro do Rio de Janeiro utilizando como técnica a autohemoterapia que coniste na retirada de 20cc de sangue da prega do cotovelo que imediatamente são injetados na nádega do próprio paciente.

O Dr. Jessé Teixeira explica no artigo que o sistema retículo endothelial de ASCHOFF-LANDAU é poderosamente estimulado pela autohemoterapia, relatando a seguinte experiência:


a) Um emplastro de cantarídas, colocado sobre a pele da coxa, determina a formação de pequena vesícula. Aspirado o conteúdo da vesícula em um tubo em "U", depois de seco e corado, a contagem do diferencial revela uma incidência de monócitos por volta de 5%. Após a autohemoterapia, a cifra de monócitos, no conteúdo da vesícula, se eleva em oito horas para 22% e, após 72 horas, ainda há 20%, caindo a curva gradualmente para voltar ao normal após 07 dias.

b) Pela prova Vermelho Congo se evidencia a capacidade de armazenar corantes do S.R.E - essa capacidade acentua-se consideravelmente após a injeção de sangue.


c) outro teste estimula a determinação do indice bactrericida dos humores, segundo o método WRIGTH. Após a injeção na nádega de 20cc de sangue retirados do prega do cotovelo, o índice mostra um acréscimo, que, dentro de oito horas, chega a um máximo de 15 a 20 valores normais. Assim, a elevação dos monócitos, a elevação do índice bactericida dos humores, prova estimulação dos poderes defensivos do organismo, através do S.R.E.


No mesmo artigo o Dr. Jessé Teixeira relata o emprego da autohemoterapia em 150 pacientes que se submeteram a cirurgias diversas, afirmando que o índice de infecção pós operatória foi zero.

Esse artigo tem propósitos apenas informativos. NÃO FORNECE ORIENTAÇÕES MÉDICAS. quanto o autor e divulgador não se responsabilizam por quaisquer conseqüências possíveis oriundas de qualquer tratamento, procedimento, exercício, modificação na dieta, ação ou aplicação de medicamento que resultem da leitura ou observância das informações aqui contidas. A publicação dessas informações não constitui a prática da medicina, e não substituiu o conselho do seu médico ou outro profissional de saúde. Antes de adotar qualquer tipo de tratamento, o leitor deve procurar atendimento médico ou outro profissional da saúde.

 

Meu carrinho

Você não tem itens no seu carrinho de compras.

Atendimento Online

No momento não temos nenhum operador online.

Comparar produtos

Você não tem itens para comparar.